[english]

Carmela Gross, São Paulo, 1946

Carmela Gross tem realizado trabalhos em grande escala que se inserem no espaço urbano e que assinalam um olhar crítico sobre a arquitetura e a história urbana. O eixo comum, para além da diversidade dos contextos e das propostas elaboradas em cada caso, é o conceito básico de trabalhar-na-cidade. O conjunto de operações que envolvem desde a concepção do trabalho, passando pelo processo de produção, até a disposição no lugar de exibição enfatizam a relação dialética entre a obra e o espaço, entre a obra e o público/transeunte. Os trabalhos procuram engendrar novas percepções artísticas que afirmam uma ação e um pensamento críticos e que trazem à tona a carga semântica do lugar, seja ele um espaço público, uma instituição ou o momento de uma exposição.


CRONOLOGIA SELECIONADA

2019
Roda Gigante. Farol Santander, Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Da tradição à experimentação. Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Passado/Futuro/Presente: Arte contemporânea brasileira no acervo do Museu de Arte Moderna de São Paulo. Museu de Arte Moderna, São Paulo.

2018
Invenção de Origem. Estação Pinacoteca de São Paulo.
Brasile. Il coltello nella carne. Padiglione d’Arte Contemporanea, Milão, Itália.
Radical Women: Latin American Art, 1960-1985, Brooklyn Museum, Nova Iorque, Estados Unidos e Pinacoteca de São Paulo, São Paulo.
Real People Are Dangerous. Auroras, São Paulo.
O tridimensional na coleção Marcos Amaro. Fundação Marcos Amaro, Itu, São Paulo.
Conexões/ArtRio Intervenções Urbanas. Bondinho – Pão de Açúcar, Rio de Janeiro.

2017
O Fotógrafo, Kunsthalle Bratislava, Eslováquia.
Grande Hotel.
Instalação permanente, Sesc 24 de Maio, São Paulo.
Yoko Ono: o céu ainda é azul, você sabe…
, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo.
Pedra no Céu – arte e a arquitetura de Paulo Mendes da Rocha, Museu Brasileiro da Escultura e Ecologia, São Paulo.
Osso – Exposição-apelo ao amplo direito de defesa de Rafael Braga, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo.
Modos de Ver o Brasil: Itaú Cultural 30 Anos, Pavilhão Oca, São Paulo.
Radical Women: Latin American Art, 1960–1985, Hammer Museum, Los Angeles, EUA
On anam? (¿Where are we going?), Es Baluard Museu d’Art Modern i Contemporani de Palma, Palma de Maiorca, Espanha.
Past/Future/Present: Contemporary Brazilian Art from the Museum of Modern Art of São Paulo, Phoenix Art Museum, EUA.
Potência e Adversidade. Arte da América Latina nas coleções em Portugal, Museu de Lisboa, Portugal.

2016
Arte à Mão Armada, Museu da Cidade – Chácara Lane, São Paulo.
Um, Nenhum, Muitos, Galeria Vermelho, São Paulo.
Brazil, Beleza, Museum Beelden aan Zee, Den Haag, Holanda.
The winter of our discontent, Galerie Martin Janda, Viena, Áustria.

2015
Contingent Beauty: Contemporary Art from Latin America, The Museum of Fine Arts, Houston, Estados Unidos.
Matéria do Mundo: Projeto Arte e Indústria, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.

2014
Migrantes, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
Experimentando Espaços 2, Museu da Casa Brasileira, São Paulo.
A serpente no imaginário artístico, Museu Afro Brasil, São Paulo.
Sentido em deriva – Obras da coleção da Caixa Geral de Depósitos, Culturgest, Porto, Portugal.
Selections from the Museum’s Collection: Modern and Contemporary Art, The Museum of Fine Arts, Houston, Estados Unidos.

2013
Escadas, Casa França Brasil, Rio de Janeiro.
30x Bienal, Transformações na arte brasileira da 1a à 30a edição, Pavilhão da Bienal, São Paulo.
Universo Poliédrico, MuVIM – Museo Valenciano de la Ilustración y la Modernidad, Valencia, Espanha.
America do Sul, A Pop Arte das Contradições, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro.
Escavar o futuro, Palácio das Artes, Belo Horizonte, Minas Gerais.
Visible Differences, The Jordan National Gallery of Fine Arts, Amman, Jordania.

2012
Serpentes, Galeria Vermelho, São Paulo.
Escadas, Projeto Vão, Sesc Belenzinho, São Paulo.
La Carga, Museo Experimental El Eco, Ciudad de México, México.
Arte de contradicciones. Pop, realismos y política. Brasil – Argentina 1960, Fundación Proa, Buenos Aires, Argentina.
Percursos Contemporâneos, Museu de Arte Contemporânea de Sorocaba.
Mário – Eu sou um Tupi Tangendo um Alaúde, Museu Afro Brasil, São Paulo.

2011
Arte no Brasil – Uma história na Pinacoteca de São Paulo, Pinacoteca do Estado de São Paulo.
Europália, Centre de la Gravure et de l’Image imprimée, Bruxelas, Bélgica.
Zona Letal, Espaço Vital, Museu de Arte Contemporânea de Elvas, Portugal.
=748.600, Paço das Artes, São Paulo.
Premio Bravo! de melhor exposição – Carmela Gross – Um Corpo de Ideias, Estação Pinacoteca, São Paulo.

2010
Carmela Gross – Um Corpo de Ideias, Estação Pinacoteca, São Paulo.

2009
Arte à Mão Armada, Galeria Cilindro, Praça Clementino Procópio, Campina Grande, Paraíba.
Os Mágicos Olhos das Américas, Museu Afro Brasil, São Paulo.
5a. Bienal Vento Sul, Curitiba, Paraná.

2008
Se vende, Matadero Madrid – Centro De Creación Contemporánea, Madri, Espanha.
SCAPE 2008, Christchurch Biennal of Art in Public Space, Nova Zelândia.
Alguns Aspectos do Desenho Contemporâneo, Sesc Pinheiros, São Paulo.
Arte Contemporânea Brasileira, Estação Pinacoteca, São Paulo.

2007
Uma Casa, Gabinete de Arte Raquel Arnaud, São Paulo.
II Bienal de Arte Contemporânea, Moscou, Rússia.
Encuentro entre dos Mares: Bienal São Paulo-Valencia, Valência, Espanha.

2006
Intervenção permanente Araucária, Curitiba, Paraná.
Carne, Projeto Arte Passageira, Centro Universitário Maria Antonia, São Paulo.
O Fotógrafo, Sesc Ribeirão Preto, São Paulo.
Sul, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo.
Paralela 2006, Pavilhão Armando Arruda Pereira, Parque do Ibirapuera.
Manobras Radicais, Centro Cultural Banco do Brasil, São Paulo.
MAM [na] OCA, Pavilhão Oca, Parque do Ibirapuera, São Paulo.

2005
5ª Bienal do Mercosul. Intervenção permanente Cascata, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.
Karakoy Pedestrian Exhibition 2, Istambul, Turquia.
L’Autre Amerique. Art Contemporain du Brésil, Passage de Retz, Paris, França.

2004
Intervenção permanente BleuJauneRougeRouge, École René Binet, Paris, França
Aurora, Galeria Olido, Secretaria Municipal de Cultura, São Paulo.
Luzia, Centro Universitário Senac, São Paulo.
Arte Contemporânea no Acervo Municipal, Centro Cultural São Paulo.

2003
Carmela Gross, Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães, Recife, Pernambuco.
Hotel Balsa, Gabinete de Arte Raquel Arnaud, São Paulo.
Atelier Finep, Paço Imperial do Rio de Janeiro.
Interfaces Contemporâneas, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
A Subversão dos Meios, Itaú Cultural, São Paulo.
Imagética, Fundação Cultural de Curitiba, Paraná.

2002
ArteCidadeZonaLeste, Sesc Belenzinho, São Paulo.
XXV Bienal Internacional de São Paulo.
Matéria Prima, Museu Oscar Niemeyer, Curitiba, Paraná.
Caminhos do Contemporâneo – 1952/2002, Paço Imperial, Rio de Janeiro.
Genius Locchi, Centro Universitário Maria Antonia, São Paulo.
Nefelibatas, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
Ceará Redescobre o Brasil, Museu de Arte Contemporânea do Dragão do Mar, Fortaleza, Ceará.

2001
Projeto Fronteiras, Itaú Cultural, São Paulo. Intervenção permanente Fronteira, Fonte, Foz, Laguna, Santa Catarina.
Monumentos e Alagados, Celma Albuquerque Galeria de Arte, Belo Horizonte, Minas Gerais.
II Mostra do Programa de Exposições 2001, Centro Cultural São Paulo.
Anos 70: Trajetórias, Itaú Cultural, São Paulo.
Trajetória da Luz na Arte Brasileira, Itaú Cultural, São Paulo.
Experiment Experiência/Art in Brazil 1958–2000, Museum of Modern Art Oxford, Reino Unido.
Politicas de la Diferencia–Arte Iberoamericano fin de siglo, Centro de Convenções, Recife, Pernambuco.
O Espírito da Nossa Época – Coleção Dulce e João Figueiredo Ferraz, Museu de Arte Moderna de São Paulo.

2000
Alagados, Centro Universitário Maria Antonia, São Paulo.
Us Cara Fugiu Correndo, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
O Trabalho do Artista, Itaú Cultural, São Paulo.
Brasil + 500 – Mostra do Redescobrimento, Fundação Bienal de São Paulo.
Situações – Arte Brasileira/anos 70, Fundação Casa França-Brasil, Rio de Janeiro.

1999
Em vão, Oficina Cultural Oswald de Andrade, São Paulo.
Comedor de luz, Gabinete de Arte Raquel Arnaud, São Paulo.
Projéteis, Paço das Artes, São Paulo.
Por que Duchamp?, Paço das Artes, São Paulo.
De Brasil – Alquimias e Processos, Biblioteca Luis Ángel Arango, Bogotá, Colombia.
Território Expandido – Prêmio Multicultural Estadão, Sesc Pompéia, São Paulo.

1998
300 Desenhos, Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
XXIV Bienal Internacional de São Paulo.
30ª Anual de Arte, Museu de Arte Brasileira, Fundação Armando Álvares Penteado.
A Gravura da Linguagem – Pensar Gráfico, Paço Imperial, Rio de Janeiro.

1997
Feche a porta e Projeto para a construção de um céu, Centro Cultural São Paulo.
Diversidade da Escultura Brasileira Contemporânea, Itaú Cultural, São Paulo.
Re-Aligning Vision-Alternative Currents in South American Drawing, El Museo del Barrio, NY.

1996
United Artists II – Utopia, Casa das Rosas, São Paulo.
Beelden uit Brazilie, Stedelijk Museum Schiedam, Holanda.
Projeto Contato, Sesc, São Paulo.
IV Studio de Tecnologias de Imagens, Sesc Pompéia, São Paulo.

1995
Carmela Gross, Gabinete de Arte Raquel Arnaud, São Paulo.
Facas, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
V Bienal Nacional de Santos, Santos, São Paulo.
II Bienal de Barro de América,  Museo de Arte Contemporáneo de Caracas Sofía Ímber, Venezuela.
Garner Tullis Workshop, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
XI Mostra da Gravura de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba, Paraná.

1994
Facas, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro.
Facas, European Ceramics Work Centre, s’Hertogenbosch, Holanda.
Larvas, Galeria Ido Finotti, Universidade Federal de Uberlândia, Minas Gerais.
Arte-Cidade – A Cidade Sem Janelas, antigo Matadouro Municipal, São Paulo.
Bienal Brasil Século XX, Fundação Bienal de São Paulo.
Cenário-vídeo da ópera Espaços Habitados, de Conrado Silva. Teatro Sérgio Cardoso, São Paulo.

1993
Hélices, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
Hélices, Galeria de Arte da Universidade Federal Fluminense, Niterói.
Outdoors/Exposição Comemorativa do Centenário de Mário de Andrade, Centro Cultural São Paulo, São Paulo.
Um Olhar sobre Joseph Beuys, Museu de Arte de Brasília, DF.
Figurinos e cenário do espetáculo A Dança dos Duplos, de Eduardo Seincman e Sílvia Bittencourt. Anfiteatro de Convenções Camargo Guarnieri, São Paulo.

1992
Desenhos, MASP – Museu de Arte de São Paulo.
Pinturas, Galeria São Paulo, São Paulo.
Instalação, Museu de Arte da Cidade – Capela do Morumbi, São Paulo.
Arte Brasileira na Coleção: Anos 70/90, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
O Branco Dominante, Galeria São Paulo, São Paulo.

1991
Latin-American Drawings Today, San Diego Museum of Art, Califórnia.
Panorama da Arte Atual Brasileira, Museu de Arte Moderna de São Paulo.
2º Exposição Internacional Esculturas Efêmeras, Fundação Demócrito Rocha, Fortaleza, Ceará.
O Que Faz Você Agora-Geração 60, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
Prêmio Bolsa Vitae de Artes Plásticas, São Paulo.
Figurinos da ópera A Queda da Casa de Usher, de Philip Glass. Fundação Cultural São Luiz, São Paulo.

1990
Objetos, Galeria São Paulo, São Paulo.
Latinoamerica Presente, Museo de Bellas Artes de Santiago, Chile.
Panorama da Arte Atual Brasileira, Museu de Arte Moderna, São Paulo.
Gente de Fibra, Sesc Pompéia, São Paulo.
Prêmio Brasília de Artes Plásticas, Museu de Arte de Brasília, DF.

1989
Objetos bestas, Galeria Espaço Capital, Brasília, DF.
XX Bienal Internacional de São Paulo.

1988
Pintura-objeto, Museu de Arte do Rio Grande do Sul.
Pintura-objeto, Galeria São Paulo, São Paulo.

1987
Pintura-desenho, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
A Trama do Gosto, Fundação Bienal de São Paulo.
Obtém o titulo de Doutor em Artes pela Universidade de São Paulo.

1986
Quasares, Espaço Latino-Americano, Paris, França.
Pinturas, Galeria Luiza Strina, São Paulo.
Projeto Vermelho – Proggetto Rosso, Museu de Arte Brasileira, Fundação Armando Álvares Penteado, São Paulo.
XX/XXI – Uma Virada no Século, Pinacoteca do Estado de São Paulo.

1985
Caligrafias e Escrituras, Galeria Sergio Milliet, Funarte, Rio de Janeiro.
Arte Tecnologia, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
Novos Meios/Multimeios – Brasil 70/80, Museu de Arte Brasileira, Fundação Armando Álvares Penteado, São Paulo.

1984
Pinturas, Montagens, Cartazes, Galeria Luisa Strina, São Paulo.
Galeria Zona, Florença, Itália.
Tradição e Ruptura, Fundação Bienal de São Paulo.
Poesia Evidência, Pontifícia Universidade Católica, São Paulo.
O Desenho Brasileiro, Fundação Cândido Mendes, Rio de Janeiro.

1983
Quasares, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.
Quasares, Centro Cultural São Paulo.
XVII Bienal Internacional de São Paulo.
6a Bienal de Valparaiso, Chile.
Arte na rua I, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.

1982
Projeto Para A Construção De Um Céu, Brazilian-American Cultural Institute, Washington, DC.
Arte Micro, Museu da Imagem e do Som, São Paulo.
Arte pelo Telefone, Museu da Imagem e do Som, São Paulo.

1981
XVI Bienal Internacional de São Paulo.
Bienal Americana de Artes Gráficas, Cali, Colômbia.
Arte Pesquisa, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
Exposição de Heliografias, Pinacoteca do Estado de São Paulo.
Obtém o título de Mestre em Artes pela Universidade de São Paulo.
Professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Escola de Belas Artes, entre 1981 e 1984.

1980
Carimbos, Espaço N.O., Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Gerox, Pinacoteca do Estado de São Paulo.

1979
I Mostra do Desenho Brasileiro, Museu de Arte do Paraná, Curitiba, Paraná – Prêmio Aquisição.
O Desenho Como Instrumento, Cooperativa de Artistas Plásticos, Pinacoteca do Estado de São Paulo.
Multimedia Internacional, Escola de Comunicações e Artes – Universidade de São Paulo.
O Artista e a Criança, Pinacoteca do Estado de São Paulo.

1978
Carimbos, Gabinete de Artes Gráficas, São Paulo.
Objeto na Arte – Brasil anos 60, Museu de Arte Brasileira, Fundação Armando Álvares Penteado, São Paulo.
Livro de Artistas, Gabinete de Artes Gráficas, São Paulo.
Vídeo-Arte, Museu da Imagem e do Som, São Paulo.
Exposição de Gravuras, Cooperativa de Artistas Plásticos, São Paulo.

1977
Desenhos, Gabinete de Artes Gráficas, São Paulo.
Vídeo Mac, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.

1972
Começa a atuar como professora no curso de Artes Plásticas da Universidade de São Paulo.

1970
4ª Exposição Jovem Arte Contemporânea, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo – Prêmio Aquisição.
6º Salão de Arte Contemporânea, Museu de Arte Contemporânea de Campinas, São Paulo – Prêmio Aquisição.

1969
Participação no Projeto do Pavilhão do Brasil, de Paulo Mendes da Rocha, Feira Internacional de Osaka, Japão.
X Bienal Internacional de São Paulo.
II Bienal Nacional de Artes Plásticas, Salvador, Bahia – Menção Honrosa.
Gradua-se no Curso de Artes, Fundação Armando Álvares Penteado, São Paulo.

1968
IV Salão de Arte Moderna do Distrito Federal, Brasília, DF.
Bandeiras na Praça General Osório, Rio de Janeiro.
Intervenção Escada, desenho em um barranco da periferia de São Paulo.

1967
IX Bienal Internacional de São Paulo.
6 Artistas, Rex Gallery & Sons, São Paulo.

1966
II Encontro Universitário de Artes Plásticas, São Paulo – 1º Prêmio, Escultura.
2º Salão de Arte Contemporânea de Campinas, São Paulo.
Uma das criadoras do grupo Arte na praça – atividades com crianças em praças públicas. Praça Dom José Gaspar, São Paulo, entre 1966 e 1971.


COLEÇÕES PÚBLICAS
Acervo SESC de Arte Brasileira, São Paulo, Brasil
Biblioteca Luis Ángel Arango, Bogotá, Colômbia
Coleção de Arte da Cidade de São Paulo, Brasil
Coleção Instituto Figueiredo Ferraz, São Paulo, Brasil
Culturgest – Caixa Geral de Depósitos, Lisboa, Portugal
Fundação Padre Anchieta – Rádio e Televisão Cultura, São Paulo, Brasil
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, Brasil
Museu de Arte Contemporânea de Campinas, São Paulo, Brasil
Museu de Arte de Brasília, DF, Brasil
Museu de Arte do Paraná, Curitiba, Brasil
Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães, Recife, Brasil
Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil
Museum of Fine Arts, Houston, EUA
Museum of Modern Art, Nova York, EUA
Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil

search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close